O futuro será construído
por empresas inovadoras!

Invista nelas com a Bzplan.

Investir em Venture Capital? Quais as vantagens para investidores?

Entenda em detalhes o que é Venture Capital na visão de uma gestora de investimentos, explorando suas potencialidades como opções de financiamento, sobretudo as vantagens dessa modalidade para investidores.

06 de fevereiro de 2018

A crise econômica brasileira representou um período econômico difícil para o Brasil, porém houve um setor em contrapartida, que respondeu com crescimento: a taxa de empreendedores brasileiros. Este indicador positivo teve por consequência, o aumento pela busca dos fundos de investimentos, em especial pelas modalidades Venture Capital e Private Equity.

Segundo o relatório sobre empreendedorismo divulgado pelo SEBRAE: No caso do Brasil, o país atingiu a segunda maior taxa total de Empreendedores de sua série histórica, com 36% da população adulta envolvida com a atividade empreendedora. Dentro da classe encontram-se scale-ups, startups que optam por obter os recursos, principalmente de fundos de investimentos, para suprir necessidade de crescimento escalável.

O mercado precisa atrair mais investidores, apesar do aumento pela procura de fundos de investimentos. A consolidação é essencial para o fortalecimento da cadeia de capital empreendedor no país, desta forma tornará o ambiente mais confortável e propício para surgimento de novos investidores.

Mas afinal, o que é Venture Capital?

Venture capital: Como o próprio nome indica (“capital de risco”) é um segmento do mercado financeiro que consistem fundamentalmente em um aporte temporário de capital, realizado por um fundo de VC. As gestora de venture capital procuram injetar recursos em empresas que possuam um faturamento expressivo e estão envolvidas em algum tipo de inovação ou soluções que agreguem benefícios a sociedade.

Essa modalidade de capital visa fomentar as oportunidades de empresas com enorme potencial de crescimento, tornando-se uma das principais formas de financiamento procuradas. Além de compartilhar a gestão com o empreendedor é possível trazer mais disciplina financeira, auxilio na contratação de pessoas e recursos chaves

 Conceito segundo Endeavor:

“Venture capital (VC) é o nome usado para descrever todas as classes de investidores de risco. Mesmo assim, em geral, os fundos de venture capital investem em empresas de médio porte, que já tem um faturamento, mas que ainda precisam dar um salto de crescimento. Com o investimento, o objetivo é ajudar essas empresas a expandir e alcançar o seu potencial máximo”.

A valorização da empresa permitirá que Fundo de Venture Capital obtenha retorno sob a venda da participação (desinvestimento) a médio ou longo prazo. Esta forma de capital vem crescendo de forma consistente nos últimos anos, houve um crescimento de 407% no mês de outubro, resultados analisados pelo relatório da Transactional Track Record, em parceria com a LexisNexis e TozziniFreire Advogados.

Por se tratarem de empresas nascente ou com uma equipe enxuta, ocasionalmente não possuem ativo para investimento por isso é uma modalidade considerada de alto risco. A gestora de fundos de investimentos contribui para o fortalecimento dessa parceria além do dinheiro, visa oferecer estrutura e suporte para acelerar o crescimento uma vez que a gestora se torna sócia da empresa.

Porque investir em Venture Capital, é uma boa oportunidade para investidores?

1)Apoio a gestão

Considerando que muitos empreendedores não possuem experiência em gestão, faz parte das obrigações da gestora do fundo, ajudar a empresa crescer. Ter uma equipe experiente contribui além dos ganhos financeiros. Inicialmente a empresa investida não estará mais sozinha, haverá compartilhamento de melhores práticas, melhores caminho a serem percorridos.

Grandes empresas de tecnologia já foram financiadas por esse tipo de fundo a exemplo apple, Intel, FedEx, Microsoft, levantaram esse tipo de capital para financiar seu crescimento em seus estágios iniciais.

 2) Potencial de crescimento

Outra vantagem por passarem por um ciclo de seleção e análise de investimentos, assim como a viabilidade do projeto, essas empresas apresentam um selo para o mercado, pois passaram por critério rígidos de seleção, para receber o aporte.

A gestora oferece “robustez” para negócio, trazendo uma melhor visão perante a agentes de mercado e maiores chances para crescimento.  Procura fortalecer sua relação de confiabilidade modificando a mentalidade da empresa investida entrelaçando estratégias, para que se torne rentável no desinvestimento.

 3)Maturidade do negócio

Em razão do aporte financeiro a investida passa gerir melhor as oportunidades de crescimento, fomentando melhorias estruturais, e a utilização de recursos. As gestoras de Venture Capital optam por critério de empresas com alto poder de crescimento.

A gestora de investimento possui a capacidade de Lidar com pessoas, auxiliando como gerir da melhor forma a resolução de conflitos, questões trabalhistas e contábeis objetivando diminuir o máximo possível o risco.

Conclusão

Em resumo o objetivo principal da gestora de venture capital é selecionar empresas  que possuam o perfil alinhado as características do fundo. Uma vez passando por toda a regulamentação, a mesma negocia o aporte de capital em troca de participação societária. Nesta parceria a gestora agrega toda sua experiência de mercado somando competências e tornando a investida mais valiosa para o mercado.

Essa série de características visa reduzir o risco e trazer maior confiabilidade ao investidor, apoiando a empresa ter um upgrade facilitando sua venda e revertendo em lucratividade ao capital investido.

 

Compartilhe esse conteúdo!

Comments

comments

Empresas inovadoras mudam o mundo.

Assine a nossa newsletter e receba em primeira
mão as novidades da Bzplan.